‘Sempre lamentarei por não ter tido mais tempo com você, meu filho’

‘Sempre lamentarei por não ter tido mais tempo com você, meu filho’

Trago hoje para o blog um depoimento que me emocionou muito, escrito por um pai que perdeu seu filho recentemente. Espero que a mensagem sensibilize outros pais para que percebam que não há nada mais precioso do que o tempo que temos ao lado dos nossos filhos! O texto foi escrito por Fábio Leonardo, que aparece nesta foto ao lado do filho, Brunno, e me autorizou a reproduzir aqui no blog.

“Já foram 9 dias. Quando falamos em 9 dias sabemos que verdadeiramente não é muito tempo. Mas para mim, no meu relógio emocional, parece uma vida! Uma vida que não passa nunca e que fica estagnada no mesmo dia: o dia que você partiu! O dia que você me deixou aqui, mesmo que contra a sua vontade. Você se foi com aproximadamente 5.519 dias, 132.456 horas de vida. Foi o suficiente para me marcar da forma mais profunda que alguém conseguiu marcar. Seu amor é algo que jamais esquecerei e seu sorriso será para sempre um motivo do meu sorriso aparecer. Nossa! Quem me dera se fosse possível uma substituição. Quem me dera se fosse possível o tempo voltar para eu te proibir de ir para a casa de seu amigo. Não vou ficar lamentando o porque eu não te proibi de sair mas para sempre me lamentarei por não ter tido mais tempo com você. 15 anos foi muito pouco tempo. Sei que neste período consegui arrancar de mim o sentimento mais nobre que eu já pude sentir. Tenho a certeza de que os melhores momentos da minha vida foram ao seu lado e que jamais viverei novamente com qualquer outra pessoa na mesma intensidade. Sua felicidade sempre foi a minha felicidade. Seus sonhos eram compartilhados comigo. Todos que te conheceram sofrem hoje pois sabem que seu brilho agora somente no ceu. Seu carinho somente nas lembranças e te tocar somente em sonhos. Como que hoje eu percebo o quanto era maravilhoso poder te abraçar, te beijar! E pensar que na semana que você partiu, cuidei das feridas de seus pés. Cuidei de você! Como sempre fiz, mas tudo da última semana foi mais intenso, não é mesmo? Sempre amei cuidar de você! Sempre amei poder estar com você! Sempre amei ter você comigo. Nunca, em nenhum momento eu pensei em não estar contigo. Sempre tive o maior orgulho de você e sempre externei isto para que todos soubessem de sua importância em minha vida. Tá, eu sei que já está chato tantas publicações sobre você. Você deve estar pensando nisto né? Mas para mim, não sei quando vou parar! Se um dia eu vou parar! A sua falta é algo assustador e para sempre terei que conviver com isto pois não tem como voltar atrás. E tudo que eu postar e falar de você, trará a mim uma certa “calma” ao meu coração pois a minha memória estará sempre refrescada pela sua imagem, seu sorriso e nossas histórias. Está tudo bem aí em cima? Como são as paisagens aí? Você tem se coberto direito para dormir? Tem biscoitos para você comer? Não deixe de se alimentar por favor tá! Me preocupo com você! E sei que você se preocupa comigo. Mas fique tranquilo. A dor um dia vai passar dando lugar as boas lembranças e talvez assim, eu consiga prosseguir a vida não é mesmo? Te amo meu único filho eterno!”

 

O artigo: “‘Sempre lamentarei por não ter tido mais tempo com você, meu filho’” foi publicado originalmente no portal Canguru Online.

Summary
'Sempre lamentarei por não ter tido mais tempo com você, meu filho'
Article Name
'Sempre lamentarei por não ter tido mais tempo com você, meu filho'
Description
Trago hoje para o blog um depoimento que me emocionou muito, escrito por um pai que perdeu seu filho recentemente. Espero que a mensagem sensibilize outros pais para que percebam que não há nada mais precioso do que o tempo que temos ao lado dos nossos filhos! O texto foi escrito por Fábio Leonardo, que aparece nesta foto ao lado do filho, Brunno, e me autorizou a reproduzir aqui no blog.
Author
Publisher Name
Pai Tem Que Fazer de Tudo
Publisher Logo
The following two tabs change content below.
Bruno M. Santiago

Bruno M. Santiago

Sou o Bruno, apaixonado pela esposa, Tereza, enlouquecido pela oportunidade de ser pai do Samuca. Com este sentimento inexplicável, decidi criar uma rede formada por PAIS.
Bruno M. Santiago

Latest posts by Bruno M. Santiago (see all)

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This